quarta-feira, 20 de julho de 2011

Girly - eight

Dia do amigo!

E nada mais justo que falar do dito cujo, certo!? Aquele te atura todo dia, que passa a mão na sua cabeça pra depois fazer um 'ganso'; ou até mesmo aquele que te enforca pro parceiro do lado pra depois lamber sua bunda... Sim, o amigo! O que seríamos de nós sem nossos amigos?

Honestamente, eu não tenho o que reclamar... Digo, pessoalmente tenho dois ou três amigos - eu, eu mesma e minha pessoa -, mas a linda da internet me ama e me trouxe pessoas fascinantes! É sério! Nem é manolice, to jogando a real! São pessoas diversas, com suas manias e toques que me encantam à cada dia. Por exemplo, tenho um amigo que AMA ser ignorante! SÉRIO! Quando você o conhece, ele já te lança uma patada pra você ficar esperto...

Você: Acho que o ultimo filme do harry potter está ótimo!
Ele: Ninguém te perguntou nada!

Certa vez, quando ele veio pra Santos, aconteceu uma confusão muito tensa aqui em casa entre eu, meu irmão e as mancadas dele... Ele acordou em meios à gritos meus e um piti tão tenso que senti bagos surgirem no meio das minhas pernas, e meu! Ele já acordou me colocando no meu lugar, lançando umas tiradas violentas, e acalmando da forma que ele mais sabe fazer... E confesso que deu certo!

Ou então um outro amigo que tenho que é tão doce, mas tão humorado, que você não sabe distinguir quando é engraçado ou quando é tocante... É uma verdadeira mistura louca que me faz feliz! Ele literalmente te eleva para os melhores níveis, te fazendo rir nas piores horas. De boa, continua assim! Você é perfeito!

Tenho também o negão... Puta, o negão é foda! Engraçado é que ele não é negão... Somos verdadeiros badernistas quando nos juntamos, principalmente pra zoar com alguém. Ele é aquele tipo de amigo irmão, sabe? Te protege até não poder mais... E o melhor! É fiel até umas horas... Através dele eu conheci a minha fofa e gatissima. Ela sabe que é dela que tô falando. São namorados, e, de boa, melhor casal que conheço...

Enfim! O que quero dizer é que temos amigos de todos os tipos: do tipo que mete pau, mas te ama; do tipo fiel; o extremamente sincero; o dócil; o carente; o companheirão; o bêbado... São muitos, todos especiais, todos fofos e muitos irritantes - mesmo! Se eu pudesse, mataria boa parte desses, mas sei que me mataria logo depois porque não conseguiria viver sem.

Amo vocês, meus anjos! Sem vocês sou ninguém, de boa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário